ENADE

Conheça os principais indicadores acadêmicos e veja como calculá-los

0
indicadores-academicos
Foto: Pexels

Definir e monitorar indicadores acadêmicos é a melhor maneira de avaliar a qualidade de ensino e aprendizagem que alunos, professores e gestores vivenciam em uma Instituição de Ensino Superior.

Conhecer a fundo esses indicadores é fundamental para a tomada de decisão de gestores e diretores de qualquer IES. Mais do que isso, mantê-los coerentes e alinhados à estratégia da IES garantirá que futuros problemas sejam detectados e solucionados com rapidez e assertividade.

Traçar os indicadores acadêmicos de desempenho de uma IES é, basicamente, escolher os caminhos a serem trilhados pela organização. Assim, ela poderá cumprir com excelência sua principal missão: oferecer um serviço conceituado e promover a formação qualificada dos alunos.

Esses dados podem ser usados internamente, para qualificação de professores e funcionários. Ou até mesmo externamente, para que os estudantes possam escolher a melhor IES. Entre vários pontos que merecem a atenção de gestores e diretores acadêmicos, existem tendências que em 2020 devem estar no radar, os indicadores acadêmicos são um dos tópicos em destaque.

O IGC e sua importância

Primeiramente, para conhecer o desempenho das IES brasileiras, os estudantes podem consultar o Índice Geral de Cursos (IGC). Esse cálculo é construído anualmente pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), vinculado ao Ministério da Educação (MEC), com base numa média ponderada das notas dos cursos de graduação e pós-graduação de cada instituição.

Assim, é possível verificar de forma prática a qualidade dos cursos de graduação, mestrado e doutorado oferecidos em cada IES. O IGC é publicado anualmente. É logo após a divulgação dos resultados do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade).

indicadores-academicos-educacao

Foto: Pexels

Outros indicadores acadêmicos relevantes

Apesar do IGC ser um dos indicadores acadêmicos mais conhecidos no Brasil, existem outros tipos de análises que podem ser feitas para verificar a saúde de cada IES. É possível avaliar números absolutos de matrículas, retenção e conclusão de cursos, assim como a quantidade de professores e funcionários ativos.

Esses são indicadores simples, que fornecem uma descrição relativamente genérica de uma situação ou processo da operação. Também conhecida como “estatística gerencial”, essa análise serve como ponto de partida de uma gestão bem-sucedida.

Já os indicadores de desempenho implicam num marco de referência, como um padrão a ser seguido ou um objetivo que a IES deseja alcançar. Aqui são considerados dados que têm a capacidade de gerar mudanças na direção estratégica da instituição. Podemos citar como exemplo os indicadores de gestão financeira e pedagógica. Eles influenciam diretamente na qualidade de uma instituição de ensino.

Planejamento escolar

Para conquistar objetivos, é fundamental ter um planejamento. Portanto, se você procura uma gestão de qualidade, o primeiro passo é elaborar um planejamento escolar. Essa definição ajudará a apontar os caminhos e percursos da IES a fim de alcançar e superar suas metas.

O planejamento escolar permite que você determine um objetivo a ser alcançado. Como crescer em número de alunos, conquistar mais aprovações em vestibulares ou expandir o espaço físico, entre tantos outros pontos relevantes para o negócio. Pular essa etapa ou simplesmente negligenciá-la poderá prejudicar gravemente o crescimento da instituição.

Gestão financeira

Com um planejamento escolar consolidado, é preciso voltar-se para a gestão financeira e seus indicadores. Por isso, controlar as receitas e despesas é fundamental, a fim de evitar prejuízos. Para tanto, é necessário criar um plano orçamentário contemplando todo tipo de gasto fixo que a IES tem. Isso vai desde a compra de materiais para limpeza até produtos de papelaria. Assim como o salário dos funcionários, investimentos em livros didáticos e estrutura física.

indicadores-academicos-reuniao

Foto: Pexels

Desempenho acadêmico

Outro indicador relevante para tornar sua IES uma referência é a qualidade do processo de aprendizagem ofertado. Logo, ter atenção redobrada a dados como o desempenho dos estudantes, frequência em sala de aula e números de evasão são aspectos fundamentais. De maneira geral, é preciso compreender o que esses números refletem. Assim, fazendo uma análise completa do comportamento dos alunos dentro da IES.

Confira um guia definitivo para saber tudo sobre ensino híbrido

Excelência

Monitorar o desempenho dos estudantes envolve acompanhar, na mesma medida, métricas relacionadas ao desenvolvimento pedagógico. Assim, manter objetivos claros de exigência e entrega para toda a comunidade acadêmica é um ponto básico. Estes podem ser professores aos demais funcionários. Em resumo, tudo isso faz parte de um equilíbrio sutil. Capaz de determinar tanto o sucesso quanto o fracasso da sua instituição no mercado educacional.

Por fim, se mesmo entendendo a importância de todos esses aspectos você ainda tiver dificuldades para definir os indicadores acadêmicos da sua IES, não se preocupe. Se precisar de ajuda para medir o desempenho do seu negócio, saiba que existem consultorias e sistemas de informação que podem auxiliar os gestores nesse tipo de atividade.

Quer saber mais sobre os diferentes indicadores acadêmicos? Veja aqui como calculá-los.

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.