Papo de editor

O desafio de observar

0

*Por Sandra Chelmicki

Você já se perguntou se é um bom observador? Ou o quanto presta atenção em detalhes? Se é capaz de observar o todo, o conjunto de uma cena? Para nós, editores, habilidades relacionadas à observação são essenciais. É preciso estar atento a cada letrinha que compõe uma palavra, mas também é necessário avaliar mais integralmente o que se produz, levando em conta não somente o conteúdo, mas a forma.

Nariz de cera finalizado, vamos ao que interessa! Há poucos dias, fui provocada a pensar nas perguntas que abrem este texto. Parei por 5 minutos e observei as pessoas ao meu redor, para depois registrar, durante mais 5 minutos, meus pensamentos e minhas sensações durante esse desafio – digo exercício. Não, desafio mesmo! Nada fácil esse ato de observar…


E se a gente observasse mais o mundo ao nosso redor? [Foto via sekkha.]

Não foram os 5 minutos mais longos da minha vida, mas… quanta coisa cabe em tão pouco tempo! Foi divertido, me senti como uma espiã. Ao mesmo tempo experimentei um misto de embaraço, por não estar produzindo, e obrigação – como se estivesse no “banco do castigo”. Quanta sandice! Ou será que não

Observar é se colocar no papel de espectador (não por acaso usei a palavra “cena” anteriormente). Mas o espectador – aquele que contempla – não é muito bem visto em um mundo que supervaloriza o busy. Talvez por isso tenham surgido esses sentimentos contraditórios no meu desafio.


Você consegue ser espectador em mundo que prioriza a ação? [Foto de Thomas Hawk.]

Ok, produzir é legal e todo mundo gosta. É essencial. Nos impulsiona e impulsiona quem está ao redor. A grande dúvida que fica depois de todas essas reflexões é: o que o exercício mais frequente do papel de espectador poderia fazer por nós, incluindo nossa produtividade? Desafio lançado! Mas só depois do “fechamento” do mês, ok? 🙂

* Sandra é editora sênior da área de publicações técnicas e profissionais.

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.