Institucional

Inspiração do mês :: Setembro Amarelo

0

Dia 10 de setembro é Dia Internacional de Prevenção do Suicídio, uma iniciatica da Associação Internacional de Prevenção do Suicídio. Somente no Brasil, 25 pessoas morrem vítimas de suicídio por dia e ao menos outras 50 tentam tirar a própria vida.

Os profissionais da saúde mental podem questionar como nossas atitudes em relação ao suicídio interferem na prática clínica? Quais características pessoais e circunstâncias mais se associam ao suicídio? Como estimar o risco de suicídio? Quais as nuanças da relação empreendida com o paciente e sua família?

No livro Crise Suicida , o autor Neury José Botega, responde a essas e outras questões que envolve o tema, sistematizando suas vivências diárias no atendimento a pacientes em crise suicida. Embasado em um amplo referencial teórico, a publicação incentiva o leitor a refletir e a eleger o método de abordagem mais adequado à condição única de cada paciente.

Segundo dados da Associação Brasileira de Psiquiatria pelo menos nove em cada dez suicídios poderiam ser prevenidos quando o suicida pede ajuda. Mas fica o alerta: para começar a efetivar essa mudança é preciso falar no assunto.

Entre os principais sintomas estão depressão, alcoolismo, drogas, dificuldade de lidar com pressões sociais ou familiares, esquizofrenia, transtornos de personalidade e até mesmo as mudanças na vida. Em 90% dos casos é possível uma intervenção, pois os sintomas estão ligadas a patologias de ordem metal e tratáveis a partir de um diagnóstico preciso.

Além dos sintomas característicos das psicopatologias associadas ao suicídio é importante estar atento às mudanças de comportamento como a tendência ao isolamento social, desinteresse, angústia e aflição, baixo rendimento escolar e profissional ou produtividade. Estes são apenas alguns dos indícios de que algo pode estar errado.

O suicídio no Brasil

· No Brasil, são aproximadamente 12 mil casos por ano, o que dá uma média de 32 suicídios por dia.

· No mundo, uma pessoa se mata a cada 40 segundos.

· Segundo pesquisa da Unicamp, 17% dos brasileiros pensaram seriamente em cometer suicídio no decorrer de suas vidas.

· De todos os casos, mais de 90% poderiam ser evitados.

· Quem tenta suicídio pede ajuda.

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.