Papo de editor

A vantagem de um livro complexo

0

Por Alberto Schwanke*

Outro dia, chegaram mais alguns capítulos traduzidos de um livro que está em produção aqui na divisão de biociências: o Manual de Neurocirurgia. Abri os arquivos, como de costume, e examinei o trabalho do tradutor. Entre todos os livros em que já trabalhei, o Manual de Neurocirurgia talvez seja um dos mais complexos quanto à linguagem e aos termos técnicos utilizados. Um dos trechos traduzidos dizia o seguinte: “A zona de entrada da raiz (também conhecida como zona de Obersteiner-Redlich) é o ponto onde a mielina central (proveniente das células da oligodendróglia) se transforma em mielina periférica (proveniente das células de Schwann).”

Quando vejo uma frase como essa, que não pertence ao meu universo de formação acadêmica, lembro de outro projeto em que trabalhei alguns anos atrás: um livro com algumas páginas na língua árabe. Nas duas ocasiões, tive aquela inquietude de quem não compreende o conteúdo (alguém aí já teve sensação parecida?) e valorizei ainda mais o trabalho dos diversos profissionais que colaboram na produção de um livro, cada um contribuindo com sua habilidade específica.

Um desses profissionais, um rapaz chamado Dave Glover que conheci quando trabalhava na Inglaterra, tinha sempre uma atitude positiva em relação ao seu ofício e usava muito a gíria da língua inglesa “it’s not brain surgery”, quando queria dizer que alguma tarefa não era assim tão difícil. Pois o Manual de Neurocirurgia é a antítese da gíria inglesa, na medida em que trata exatamente de… cirurgia do cérebro (brain surgery)!

Desde o momento em que comecei a trabalhar no livro, já percebi que não seria um projeto muito simples. Mas o Manual de Neurocirurgia traz consigo uma grande vantagem: faz os outros livros da minha programação parecerem mais fáceis.

*Alberto é editor de Biociências e o bendito fruto entre as editoras do Grupo A!

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.