Sobre o BlogA
Comprar
Livro

Teacher Explica

De Sol a Sol

*Por Cristina Ustárroz

♪“I don´t care if Monday´s blue, Tuesday´s grey and Wednesday too, Thursday I don´t care about you it´s Friday I´m in love“ ♫

Lembra dessa música do The Cure? Pois uma das primeiras lições que aprendemos quando estudamos uma língua estrangeira trata dos dias da semana. Normalmente, os alunos aceitam a novidade numa boa: Monday, Tuesday, Wednesday, Thursday, Friday, Saturday e Sunday. Até alguém perguntar: que fim levou a feira?

Vamos por partes, então. A palavra semana vem do latim septimana, que significa sete manhãs. No latim da liturgia, mais enrolado que linguiça de venda, as expressões prima feria, secunda feria, tertia feria, quarta feria, quinta feria, sexta feria e septima feria representavam os dias da semana da Páscoa, durante a qual não se deveria trabalhar. Aliás, muitos países católicos celebram a Semana Santa de domingo a domingo até hoje, mantendo acesa a tradição da feria, ou seja, do feriado – bem prolongado, diga-se de passagem. Eu disse prolongado? Perdão! Eu quis dizer comprido. Como esperança de pobre!

Acontece que Portugal foi o único país que passou a adotar essa denominação, enquanto que todos os outros, inclusive os católicos Espanha e Itália, mantiveram uma designação mais ligada a divindades mitológicas e natureza. E você vai ver que são muitos deuses para poucos dias! Os gregos  escolheram alguns de seus deuses, os romanos os substituiram por deuses romanos equivalentes e os anglo-saxões fizeram o mesmo. Não necessariamente nessa ordem. 

O primeiro dia da semana, Sunday, do anglo-saxão Sunnandaeg, ao contrário do que nos faz crer, não tem nenhuma relação com o deus do sorvete em taça. Na verdade, Sunday vem de sun’s day, que significa dia do sol. Uma tradução do latim dies solis. É que num mundo sem whatsapp, os povos pagãos voltavam-se para as coisas do mundo real. O sol, por exemplo. E quanto mais eles idolatravam o astro-rei, mais crescia a importância desse dia. Não me pergunte o que acontecia quando Sunday amanhecia chuvoso. Rainday? Sei, não!

Enquanto que, na minha tradição, o domingo é dominado pelo deus da bobeira, os romanos, talvez por acharem que o sol e a bobeira estavam supervalorizados, decidiram que esse seria o Dia do Senhor, e países de origem latina compraram a ideia. Virou domingo em espanhol e português, domenica em italiano e dimanche em francês. Sendo o dia mais importante de todos, ele é marcado de forma diferenciada nos calendários, geralmente de vermelho, dando origem a expressões como a red-letter day, que significa dia especial ou festivo, e in a month of Sundays, que significa um longo período de tempo. 

Para não deixar a lua com inveja, surgiu Monday, Monandaeg em anglo-saxão, ou moon’s day – mundo da lua, numa tradução do latim dies lunae. Eu disse mundo? Perdão! Eu quis dizer dia. E como é mesmo em espanhol? Lunes! Em italiano? Lunedi. Em francês? Lundi! Sacou? Julgado o pior dia da semana antes mesmo de ser vivido, Monday é o estado delta se manifestando por inteiro, com níveis de atenção mais baixos que voo que marreca choca! E a coisa mais bonitinha, se não infame, que já escutei sobre Monday veio de um menininho aluno meu: “profe, Monday meu pai lavar o carro!“ Eu avisei que era infame! 

De qualquer modo, sabe aquela sensação que temos quando acordamos na segunda-feira? A de que estamos mais esfarrapados do que poncho de gaudério? Pois é! That Monday morning feeling! Não é à toa que algumas músicas que mencionam esse dia contenham alto teor de tristeza e depressão em suas letras e melodias. Monday é um dia que olha para trás e admite ter visto dias melhores. I have seen better days! Não é?


[Foto via luciddreamleaf]

Tuesday tem a ver com Tiw, o deus nórdico da guerra: Tiwesdaeg! Baseado no latim dies Martis, o deus romano equivalente. Em espanhol é martes, em italiano é martedi, e em francês é mardi – sabe Mardi Gras nos US? Pois é! Considerado o segundo pior dia da semana, Tuesday deu origem à expressão from here till next Tuesday, que significa uma eternidade. Melhor contar os dias do que ter os dias contados. Au revoir! 

De qualquer modo, existe um fato bastante cool sobre Tuesday: é também nome de mulher! Já ouviu falar em Tuesday Weld? Não? E em Ruby Tuesday, aquela música dos Stones? Ninguém sabe ao certo, mas Ruby Tuesday pode se referir a uma namorada. Ou ao dia da semana, simplesmente. Mesmo assim, Tuesday bem que poderia ser chamado de Dia D: Dia D nos recuperarmos de Monday! Por que não?

Thursday vem do anglo-saxão Thursdaeg e homenageia o deus nórdico do trovão Thor, irmão de Tiw. Pois o dia de Thor corresponde ao latim dies Iovis, ou dia de Júpiter, deus do raio e do trovão, também chamado de Jove. Nenhum dia homenageia Loki, infelizmente. Em espanhol é jueves, em italiano é giovedi, e em francês é jeudi. Já sei, você sempre confunde as pronúncias de Tuesday e Thursday. Quer uma dica? Pense em Tiw e em Thor e repita comigo: Tiw’s day e Thor’s day! Melhorou? Esse truquezinho cai bem. Como bolinho em dia de chuva!

Enquanto isso, Wednesday honra o deus anglo-saxão Wodan, equivalente ao  nórdico Odin, pai de Tiw e Thor. Baseado no latim dies Mercurii, ou dia de Mercúrio, que é o deus do comércio e da ciência, entre outras coisas. Em espanhol é miércoles, em italiano é mercoledi, e em francês é mercredi. Você sabe quem é Wednesday Friday Addams? A menininha da série de TV The Addams Family! No tiene ni pies ni cabeza!

Friday prestigia uma mulher, a deusa nórdica Frigg, deusa do amor, da beleza e da fecundidade. Baseado no latim dies Veneris, dia de Vênus, a deusa romana da beleza e do amor. Em espanhol é viernes, em italiano é venerdi, em francês é vendredi. Lembra do carinha chamado Sexta-feira no livro Robinson Crusoe escrito por Daniel Defoe? Man Friday! Thank God it’s Friday! Só que não!

Por fim, Saturday homenageia Saturno, deus da agricultura. O fato de Sábado não ser dia útil não significa que seja dia inútil, concorda? Enquanto Saturno planta, nós colhemos um dia cheio, dia de gala, dia de colocar a vida em dia. Curiosamente ou não, é o único dia que mantém sua origem romana – Saeturnedaeg em anglo-saxão, do latim dies Saturni. Fica sábado em português e espanhol, sabato em italiano e samedi em francês. Estou para dizer que aguentamos a semana inteirinha só por causa do sábado – non è vero

É por essas e outras que a pergunta pertinente não é “que fim levou a feira“ e sim “por que nós ficamos com a feira“? Pois com ou sem feira, com ou sem deuses, cada dia nos oferece uma nova chance para darmos um xô na mesmice, de sol a sol, sem nos importarmos se é segunda, terça, quarta…. Podemos, inclusive, seguir cantando: ♫“I don´t care if Monday´s black, Tuesday Wednesday heart attack, Thursday never looking back, it´s Friday I´m in love“♫! E quanto a aguentarmos a semana inteira só por causa do sábado – si non è vero, è ben trovato!


[Foto via sodahead]

Notas altamente esclarecedoras

O sorvete sundae foi criado nos Estados Unidos e recebeu esse nome porque era servido aos domingos. 

Os dias da semana em inglês são escritos com letra maiúscula.

Alguns exemplos de músicas que citam a segunda-feira são Monday, Monday do The Mamas & The Papas (1966), Rainy Days and Mondays do The Carpenters (1971) e Manic Monday do The Bangles (1986).

Mardi Gras, terça-feira de carnaval em francês, é o maior e mais animado festival dos Estados Unidos, celebrado em New Orleans.

Loki é irmão de Thor no filme homônimo.

Tuesday Weld é uma atriz americana.

The Addams Family foi exibida entre 1964 e 1966.

Friday em alemão é Freitag, que também é um sobrenome. 

Quer saber mais? Leia por aqui ou aqui

O nome da música citada no texto é  It´s Friday I´m in Love, da banda inglesa The Cure.

Si non è vero, è ben trovato é um provérbio italiano e significa “se não é verdade, é bem contado.“

 

*Cristina Ustárroz é a professora de inglês preferida dos colaboradores do Grupo A. Ela escreve mensalmente para o BlogA.

Quer receber todo mês as novidades do Grupo A direto no seu e-mail?




Enviando...

Email Inválido