Sobre livros

Como aproveitar a leitura noturna sem prejudicar o sono

0

Um estudo publicado recentemente pode ter gerado certo incômodo entre os adoradores de e-readers. De acordo com o descoberto na pesquisa realizada em Boston (EUA) e publicada pela Academia Nacional de Ciências norte-americana, ler em dispositivos eletrônicos antes de ir para cama pode desregular o sono, na comparação com quem lê livros impressos. Dentre os participantes do estudo, os leitores de eBook demoraram mais para dormir, tiveram menos horas de sono e produziram menos melatonina. A melatonina é o hormônio que tem, entre outras funções, a missão de induzir o indivíduo ao sono. Pois bem, esse hormônio costuma ser liberado em ambientes calmos e escuros, e a luz do dispositivo móvel é capaz de desregular o nosso ciclo circadiano, também conhecido popularmente como relógio biológico. O resultado é um sujeito pouco alerta e cansado no dia seguinte, com tendência a dormir mais tarde e durante um período menor do que as oito horas recomendadas diariamente. 


A luz azul proveniente dos dispositivos eletrônicos pode interferir no ciclo do sono. 
[FONTE: Good e-reader]

Porém, nem tudo está perdido. Anne-Marie Chang, autora do estudo, afirma que a responsável pelo problema é a luz azul emitida por esses aparelhos, capaz de interromper o ritmo circadiano. E as outras luzes? Será que existe alguma forma de utilizar os outros espectros a nosso favor? Bem, existe. De acordo com a BBC, há algumas maneiras de aproveitar a luz, natural ou não, para um bom funcionamento do organismo, e algumas dicas podem ser especialmente proveitosas para os que se sentiram lesados com os resultados do estudo realizado em Boston. 

Obviamente, a dica principal é evitar a leitura em laptops, smartphones e tablets antes de ir para cama. Mas, se isso não for possível, uma solução é utilizar filtros de alta polaridade na tela. Basicamente, esses filtros têm a cor laranja e “rebatem” a temida luz azul, diminuindo o impacto sobre o ritmo circadiano. Para quem trabalha à noite, uma sugestão é utilizar a luz vermelha no ambiente, pois, apesar manter o indivíduo em alerta, ela não interfere tanto no ciclo do sono. Por fim, se não teve jeito e foi preciso (ou necessário, pois o livro estava ótimo) ficar lendo no e-reader até mais tarde, uma boa caminhada de manhã, à luz natural, pode deixar o corpo em estado de alerta novamente, aumentando a disposição para o dia. 


Um passeio matinal faz com que a disposição retorne ao corpo do voraz leitor digital. 
[FONTE: Fitness care]

Para quem ficou impressionado com as descobertas e pretende aposentar seu e-reader, só podemos dizer uma coisa: não faça isso! Somos fãs de ambos, livros impressos, com sua tradição e seu incrível cheirinho, e digitais, com toda sua tecnologia futurista. Mas sabemos, também, que a possibilidade de ler em dispositivos eletrônicos foi uma grande guinada na vida dos leitores. Tanto que existem listas com os motivos pelos quais eBooks são melhores que livros impressos. Para os fãs da tecnologia, contam pontos a favor dos livros digitais o fato de serem mais baratos, mais fáceis de conseguir (às vezes, com um clique), ocuparem menos espaço, não dependerem da derrubada de árvores e serem mais portáteis. Além disso, eles têm algumas funcionalidades que os livros impressos não apresentam, como informações suplementares (semelhantes aos extras de um DVD), a possibilidade de linkar referências e fazer buscas online durante a leitura e a certeza de que a tecnologia tende a continuar evoluindo. 


Na batalha entre eBooks e livros impressos só há vencedores. 
[FONTE: The educated procrastinator]

Se fôssemos comparar as qualidades elencadas com uma listinha feita por um adorador de livros físicos (fica a sugestão para o leitor), a briga seria acirrada. De nossa parte, podemos dizer que o resultado é empate. E, na dúvida sobre qual tipo de livro adquirir, nossa sugestão é: ambos! Um portátil eBook para carregar por aí e um tradicional e aromático livro impresso para deixar na cabeceira. 

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.